Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2010

FENÓMENO?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A NATUREZA VIVA

Será que eu estou a confundir a natureza, com o antinatural? Será isto um milagre? Será um castigo? Será uma aberração? Será uma maldição, que caiu sobre o dono, destas árvores? Ou será apenas obra do acaso? Eu noto que a roupagem das árvores, não tem exactamente o mesmo tom de cor, porquê? Não faço ideia. Nós temos por costume dar ás coisas o nome de que mais gostamos, e os nomes que mais gostamos, prendem-se sempre e de um modo geral, muito com a nossa forma de estar, de ser e de pensar. Também a nossa cultura familiar, religiosa, rural e urbana, influenciam sobre maneira, as nossas tendências, na escolha de razões, para justificar tudo e mais alguma coisa. Gostaria de saber, a opinião de quem me lê, qual a sua opinião para justificar este fenómeno, que não sei se é do Entroncamento ou não. Foi encontrado por mim, na net. 

Será que a Natureza, também tem is seus artefatos próprios para se bastar a si mesmo? Incluindo  cangalheiro?

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

    

 

 

 

 

 

         


publicado por Fisga às 08:00
link do post | comentar | favorito
|
15 comentários:
De *FreeStyle* a 25 de Janeiro de 2010 às 03:18


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:04
Olá Amigo Free. Não sei se entendi, a mensagem, acho que é sucinta de mais, para a minha já débil cabeça, mas é suposto ter a ver com o meu post. Por isso e como educado que sou, agradeço e retribuo. Um abraço Eduardo.


De Chicailheu a 25 de Janeiro de 2010 às 07:33
AMigo Eduardo
ACho que a Natureza também tem seus caprichos!
E porque não???

Boa semana e beijinhos doces
Chicailheu


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:09
Olá amiga Chica. Obrigado por vires. É verdade. Pese embora o facto de ser vós corrente dizer-se que a natureza é perfeita. Mas o que eu penso, é que aqui a natureza teve dois pés e duas mãos. Ou eu estarei enganado? Beijinho grande para uma grande amiga. Eduardo.


De Tina a 25 de Janeiro de 2010 às 10:36
Ola Eduardo!

De facto há coisas curiosas que a natureza nos oferece.
Gostei do que nos trouxeste aqui! Não conhecia, de todo! Achei interessante...E deixa-nos na nossa cabeça tantas interrogações.....!

Um beijinho para ti, meu amigo!


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:18
Olá minha querida amiga Tina. Obrigado por vires, és uma querida. Olha minha amiga, eu sem deixar de respeitar todas as opiniões, eu acho que ali está presente a mão humana e a ser assim, essa mão pertence a alguém que pouco ou nada tem para fazer, a não ser adulterar o que não devia ser adulterado. Mas também aceito que pode ter sido, obra do vento a fazer oscilar a arvore, ou as arvores. Um beijinho deste amigo do coração.


De poetaporkedeusker a 25 de Janeiro de 2010 às 11:06
Que pena! Não consigo ver as imagens, não te posso responder... mas vou tentar, logo à tarde, vê-las do Centro Paroquial! Fiquei muito curiosa... o que será que está nas fotos?
Abraço grande!


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:23
Olá minha querida amiga, obrigado por vires. Quanto ás fotos, por agora não te vou dizer mais nada porque não quero cobrar o encanto. As coisas sem encanto, perdem todo o valor. Se puderes ver vê, que vale a pena ver, para melhor entender. Um abraço, deste amigo que te adora. Eduardo.


De casimirocosta a 27 de Janeiro de 2010 às 11:25
Olá meu amigo Eduardo.
A natureza tem coisas que nos deixam muitos ????? na cabeça por tão surpreendente que é.
Me parece que estas arvores não sabiam que estavam a ser fotografadas
Adoro este tipo de musica que está no filme.
Um abraço
Casimiro Costa


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:33
Olá amigo, Casimiro Costa. Antes de mais nada, obrigado por vir, é um grande amigo. Quanto às árvores, eu tenho uma opinião um tanto diferente, Mas respeito todas as outras opiniões. Eu penso que as arvores não tiveram escolha, mas é só a minha opinião. Eu acho, que elas não tiveram culpa de nascer tão perto uma da outra, e por vontade do vento. O galho, da árvore da direita, tanto bateu no troço da árvore da esquerda, que se conseguiu meter entre a casca e o troço da árvore da esquerda, se forem vistas em ponto grande, vê-se que pode ter sido isso. Mas também não descarto a possibilidade de ter tido a mão sempre engenhosa e maldosa do homem. Tudo pode acontecer. Um forte abraço para o meu grande amigo.Eduardo.


De TiBéu ( Isa) a 27 de Janeiro de 2010 às 19:14
Que gira a foto que conseguiste, hehe quem diria, mas que coisa nem as árvores se salvam hehe . Boa Eduardo. bj


De Fisga a 27 de Janeiro de 2010 às 20:37
Olá amiga Tibeu. Obrigado por vires. Quanto á salvação, é assim: quem anda á chuva molha-se. O que eu não quero acreditar que tenha sido o caso. Beijinho deste amigo Eduardo.


De poetaporkedeusker a 28 de Janeiro de 2010 às 11:59
Caramba! Mas eu ainda hei-de ver essas famosas árvores!
Abraço GDE!


De Fisga a 28 de Janeiro de 2010 às 16:11
Olá amiga, Maria, João. Olha amiga, se tens algum sitio para onde eu te as possa mandar, diz-me que eu mando-te e tu vê é o melhor que te posso fazer. mas ainda pode acontecer que tu consigas ver á própria internet. Um grande abraço. Deste amigo Eduardo.


De poetaporkedeusker a 28 de Janeiro de 2010 às 16:50
Cheguei agora do dentista, amigo... ainda estou meia "abananada" com as anestesias, mas vim tentar fazer mais uma ou duas visitas! Amanhã, ao final da tarde devo estar num equipamento em que devo conseguir ver essa imagem! Se não conseguir, depois peço-te que ma envies em email.
Abraço grande!


Comentar post

.quem sou eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arca_animais-micros...

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Mar do Desespero

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

.links

.Visitas

 

.arca_animais-micros...

SAPO Blogs

.subscrever feeds