Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

UMA RELÍQUIA

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A CASA
Em plena Serra de Fafe, entre a cidade do mesmo nome e Cabeceiras de Basto, situada na região norte de Portugal, encontra-se uma casa que anda a despertar a curiosidade dos internautas de todo o mundo pela sua originalidade. Construída entre quatro rochas gigantes, a Casa do Penedo é mais do que uma residência rural perdida no interior de um pequeno país na orla ocidental da Europa. A Casa do Penedo começou a ser construída na Primavera de 1972, quando a família Rodrigues quis realizar o seu sonho. Dois anos depois a residência estava feita. Não se trata de uma instalação ou de um hotel temático, uma vez que é utilizada pela família como local de férias. Porém, ultimamente tem atraído a atenção dos fãs de arquitectura e design de todo o mundo. Blogues e fóruns, na sua maioria não portugueses, têm divulgado as fotos desta casa. Em Outubro passado um canal da televisão portuguesa dedicou-lhe uma reportagem. À primeira vista a casa nem parece real; parece mais uma habitação dos Flinstones. Mas está perfeitamente integrada na paisagem natural. Por fora é toda feita de pedra, salvo as janelas tortas e o telhado. Por dentro, a mobília, as escadas e os corrimões feitos de troncos completam o aspecto rústico. Os vidros são à prova de bala, a porta é de aço e o sofá pesa 350 quilos, pois é feito em betão e madeira de eucalipto.
Nos últimos meses, tornou-se comum os habitantes da região verem desfilar os turistas que procuram a Casa de Pedra. O proprietário, Vítor Rodrigues, já não habita a casa que aos domingos é visitada por dezenas de pessoas. Apesar do interesse que desperta pelo mundo fora, tem sofrido actos de vandalismo que põem em causa a sua conservação.
Se visitar o norte português não deixe de conhecer a Casa do Penedo.
QUEM QUISER SABER MAIS SOBRE ESTE ARTIGO, ABRA POR FAVOR ESTE ENDEREÇO, NÃO SE VAI ARREPENDER POR  CERTO.
Leia mais: http://obviousmag.org/archives/2009/12/casa_rochedo.html#ixzz0gI7RjtIv
NOTA: ESTAS IMAGENS, FORAM TIRADAS DA NET, E SÃO PERTENSA DA OVBIOUS.

 


publicado por Fisga às 20:23
link do post | comentar | favorito
|
22 comentários:
De Ivete a 22 de Fevereiro de 2010 às 23:49
Mas será que as pessoas já não sabem ver nada sem destruir? Cruzes! Acho que nunca o ser humano esteve tao destruidor... Será falta de alguma coisa, ou de alguém? Fico indignada!

Beijinhos


De Tina a 23 de Fevereiro de 2010 às 10:12
Olá Eduardo!
Interessante o tema que trouxeste aqui.....desconhecia, de todo!
Achei a casa invulgar, mas com bastante interesse para a arquitectura e não só.
De facto, é pena vivermos entre vândalos que só sabem destruir (alguns, claro, não posso generalizar!).
Um dia, quem sabe, em passeio, não passarei por estas bandas......Uma ideia que vou pensar com meu marido.
Obrigada por partilhares teus conhecimentos.
Um abraço amigo.


De MIGUXA a 23 de Fevereiro de 2010 às 13:21
Eduardo,

Meu querido amigo,

diria que me deparava com a casa do Fred Flinstone tens toda a razão. Muito original, pena é que o património não seja respeitado, neste "mundinho de imbecis".

Obrigada pela partilha quem sabe numas férias daremos um pulinho para ver ao vivo.

Beijos ternos
Sua amiga do coração
Margarida


De maripossa a 24 de Fevereiro de 2010 às 00:09
Amigo Eduardo. Aqui esta um post,que tenho muito gosto em comentar. Esta casa fica na estrada em direcção a Várzea Cova, pertencendo a mesma freguesia. Na foto onde se vê o homem, era aí que ficavam as câmaras de TV de vários lugares do mundo jornalístico quando do famoso Rally De Portugal ! Junto a esta casa num caminho de terra era o Salto do Confurco,que ficará para a história. Conheço bem a casa é pena, que esteja a ficar maltratada por vandalismo, embora a polícia municipal façam policiamento ao local, é realmente uma casa ao tipo dos Flinstones.Quando um dia vier para este lado, terei prazer em ir dizer onde fica.
Beijinho de amizade e tudo de bom Lisa


De linhaseletras a 27 de Fevereiro de 2010 às 23:31
Boa noite, eu desconhecia esta casa, mas digo-lhe que adorava passar uns dias numa casa assim, isso para descansar deve ser o paraíso , quem a construiu teve uma rica inspiração e um bom gosto extraordinário e deve ter lá passado bons momentos.
Bom fim de semana


De TiBéu ( Isa) a 28 de Fevereiro de 2010 às 10:34
Mas que lindo post hoje o meu amigo Eduardo colocou, Eu não conhecia, mas..... já arranjei companhanhia para ir ver, Vai ser a Maripossa se ela quizer ir comigo e com o meu marido, acho que ela e o marido não vão dizer que não, Ela é amiga do ser amigo. Queres vir tb Eduardo?
Beijinho e bom domingo


De maripossa a 7 de Março de 2010 às 21:02
Vou responder ao Eduardo, mas de igual modo a Tibéu ! Se os dois tem essa vontade, que melhor cicerone do que esta amiga? Ficaria feliz, pelo encontro e se vierem os dois melhor será. Não se vão arrepender do passeio, a Tibéu leva máquina fotográfica vai ver o que são as planícies desta terra de Montelongo
Beijinho de amizade a Tibéu e ao Eduardo


De Alzira Macedo a 28 de Fevereiro de 2010 às 20:09
Eduardo meu amigo...

Mas que agradavel surpresa aqui nos partilhas...
Desconhecia que perto de mim algo tão bonito existia...
Obrigado pela partilha...
Vandalismo... È o que o ser humano tem vindo a aprender cada vez mais...
Destruir a beleza e o sonho dos outros...
È muito baixo este sentimento...
Mas estamos rodeados de gente assim...
Uma pena que não aprendam a dar valor e a preservar o que temos de belo...
Um beijo para ti amigo...
Já tinha saudades de te visitar...
Até breve


De M.Luísa Adães a 2 de Março de 2010 às 13:40
Edu

Linda a tua reliquia
bela a tua Casa
a guardar o Património
e a entregar incólume, aos nossos netos!

Desculpa a ausência. Me encontro já na fisioterapia.

"Deixa que te Leve" ao meu recanto.

Beijos da amiga,

Mª. Luísa


De M.Luísa Adães a 3 de Março de 2010 às 11:40
Edu

Então meu amigo, como vai essa paciência e a saúde?

Não te tenho encontrado. gostava de saber de ti.

Beijos da amiga,

M: Luísa


De poetaporkedeusker a 4 de Março de 2010 às 14:02
Meu querido amigo, como sabes não consigo ver as imagens, mas fui ao link que deixaste no post e consegui ver essa habitação espantosa! Sabes, eu tenho a mania de me identificar com as coisas e estas casas de pedra- ou pedras que são casas - seduzem-me muitíssimo. É um verdadeiro espectáculo!
E tu, como vais?
Um grande, grande abraço!


Comentar post

.quem sou eu

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. O RELÒGIO

. RECORDAÇÕES

. É TÃO TRISTE

. AS MINHAS DUVIDAS

. UM NOVO ANO

. UM BOM NATAL

. PING PONG

. DIAS DE INCERTESA

. ALEGRIA TOTAL

. JANEIRO DE 2013

. PENSAMENTOS

. O FILHO PRÓDIGO

. SINAIS DOS TEMPOS

. UM AZAR NUNCA VEM SÓ

. O TIATRO DE REVISTA

.arca_animais-micros...

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Mar do Desespero

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

.links

.Visitas

 

.arca_animais-micros...

blogs SAPO

.subscrever feeds