Sábado, 7 de Março de 2009

A DEDICATÓRIA

 

 

 

 

 

Este post. É dedicado a uma grande poeta, e também uma grande amiga: Maria João Sousa de Brito. http://poetaporkedeusker
Que está a atravessar um momento particularmente mau e triste.
O destino do poeta
O poeta sabe
que o seu destino
é esgrimir com as palavras
num mundo cada vez mais insensível
ao sentido lírico da vida
e das coisas que dela fazem parte.
Não há moldes para as palavras
nem fórmulas alquímicas
para o cadinho das ideias
de um poeta.
São os seus sentimentos
que lhe fazem brotar
as metáforas
com a espontânea força
da sua exaltação criativa,
ora ferindo e desassossegando,
ora acariciando o seu leitor.
Isso é a poesia;
amarga ou doce
aveludada ou rude
mas sempre, sempre indomável.
Eugénio de Sá  ( Jornalista )
TIRADO DA NET.

publicado por Fisga às 09:00
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|

.quem sou eu

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. A DEDICATÓRIA

.arca_animais-micros...

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Mar do Desespero

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

.links

.Visitas

 

.arca_animais-micros...

blogs SAPO

.subscrever feeds