Segunda-feira, 16 de Junho de 2014

RECORDAÇÕES


SONETO
Aqui fica um soneto da minha grande amiga Maria João Brito de sousa
Mais conhecida no Google por (poetaporquedeusquer)
De Maria João b. de Sousas (Poeta)
UM SONETO PARA "ESMURRAR NARIZES"...
(Em verso sáfico)
Devo dizer-te que mais nada presta
Quando as palavras, vendo-se traídas,
Vão recolhendo ao som de quanto resta
De quantas almas foram já vencidas!
Devo avisar-te que me murcha “a Festa”
Nesta impotência das mãos, tão doridas,
Porque sabendo bem poder ser esta
A mais provável d`entre as mil saídas,
Pois quando afirmo que outra força, imensa,
Vem, num crescendo e gera já raízes,
Também não escondo qu`isso não dispensa,
Que este soneto, sem finais felizes
Queira negar, antes que alguém o vença,
Tão forte impulso de ir… esmurrar narizes!
Maria João Brito de Sousa – 14.05.2014 – 20.52h
NOTA IMPORTANTE – Este soneto – mais “impulsivo” do que “brincalhão”… - é o meu primeiríssimo trabalho em VERSO SÁFICO.
O soneto que me surge espontaneamente – que eu digo que me “corre nas veias”… - é o de verso heroico.
Sou uma poeta que acredita “no suor e na vocação” e tenho fortíssimas razões para assim acreditar. Não foi tão fácil como isso criar este trabalho que, ainda por cima, perdi e me vi obrigada a reformular porque o computador se apagou e os ficheiros de Word estão a funcionar muitíssimo mal.
O Verso Sáfico apresenta acentuação tónica obrigatória nas quarta, oitava e décima sílabas métricas.

publicado por Fisga às 10:32
link do post | comentar | favorito
|

.quem sou eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arca_animais-micros...

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Mar do Desespero

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

.links

.Visitas

 

.arca_animais-micros...

SAPO Blogs

.subscrever feeds