Terça-feira, 4 de Agosto de 2009

O SONHO

 

 

DILEMA
 
EU TIVE UMA NAMORADA,
Que adorava de verdade,
E de quem muito gostava,
Sem uma ponta de vaidade.
 
A QUEM JUREI SERTO DIA,
Toda a minha lealdade,
Ama-la era o que eu queria,
E poder beija-la à vontade.
 
QUE NÃO LHE PEDIA MAIS NADA,
Foi o que eu lhe prometi,
Era a mulher mais prendada,
Que eu na vida alguma vez vi.
 
SE ELA ME DESSEO QUE EU QUERIA,
Eu seria o homem mais feliz,
Desde a noite até ao dia.
Ama-la foi que eu sempre quis,
 
MAS O AMOR É TRAIÇOEIRO,
E ela assim se aproveitou
E não fui eu o primeiro,
Que ela assim enganou.
 
 
E NÃO PERDOA A NINGUEM,
Que não consiga enganar,
Ela até se gaba que tem,
Namorados até chatear.
 
 
NÃO HÁ NEM SÓ O PRIMEIRO,
Que se gabe de a enganar,
Parece que lhe dá o cheiro,
De quem a quer ludibriar.
 
 
QUE DO QUE POSSUI DIGA BEM.
 Não se gaba sem ter prova,
 Não se gaba para ninguém,
Mas segundo namoro não aprova.
 
Eduardo Gonçalves. 1963 Maio.

publicado por Fisga às 08:00
link do post | comentar | ver comentários (23) | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Maio de 2009

O SONHO

 

O SONHO DOURADO
Tantas noites sonhei contigo,
O mesmo sonho embriagante,
E nesses sonhos, fui teu companheiro,
Teu amigo e fui teu amante.
 
Fui por ti abraçado, e enleado,
Foi um sonho de verdade,
Porque foi bem conseguido,
Foi vivido e muito sentido,
Mais do que se fosse realidade.
 
Fui por ti enleado,
Os corpos quais laços apertados,
Com tanta ternura e amor,
E tanta sensualidade,
Que se fosse uma realidade,
 Não teria mais esplendor.
 
Ó! Meu deus como foi bom,
Ter-te amado assim a sonhar,
Porque só em sonho eu tive o dom,
De tanto e assim te poder amar.
 
E como fomos felizes por instantes,
Como foi bela essa fantasia,
Como só em sonho aconteceu um dia,
Nós poder-mos ser amantes.
 
Mas foi bom eu ter sonhado,
Ter-te tido e ter-te amado,
Por tanto em ti ter pensado,
Sempre que te via da janela,
Ou da rua mas sempre distante,
E nunca ao meu lado,
Porque a distância a isso impunha,
Mas Deus é testemunha,
Que eu sempre te quis amar,
Sempre te quis conhecer,
E sempre te quis beijar.
 
Tantas coisas que eu inventava,
Para ver se mais perto de ti conseguia ficar,
Mas tudo em vão,
E o meu pobre coração sempre a palpitar.
 
A! Como eu me irritava,
Quando de ti se falava,
E eu sem poder beijar-te, E abraçar-te,
Conhecer as tuas entranhas,
Penetrar nos teus mares,
E conhecer-te de corpo inteiro,  
saciar a minha curiosidade nos teus montes,
e ter a ilusão de ser o alvo, E ser para ti o primeiro.  
 
Impossível, tudo me era vedado,
E por isso foi muito bom, eu ter-te amado,
Só em sonho eu pude ter-te,
E contemplar-te, ter a ilusão de te amar,
E de ser por ti amado.
 
Fiquei de tal modo emocionado,
E conhecedor do teu encanto,
Porque te vi toda nua, e senti o teu calor,
Se eu não tivesse sonhado, nunca te teria amado,
E como é bom amar-te nua.
 
Não fiques a pensar, que perdi por ti a admiração,
Tu para mim terás sempre a mesma magia,
Por ti eu tenho cada vez mais carinho,
Tu para mim serás sempre a rainha,
Com toda a imponência e ternura,
Sentirei sempre a tua presença,
Até mesmo na noite escura,
Porque tu és a detentora de todo o segredo,
na noite és por todos respeitada,
Ninguém ousa perguntar-te nada,
Porque tu não és traidora, Só queres contemplar,
não conheces em nada o mal,
Amas e fazes-te amar, e continuas sempre igual,
Manténs sempre a mesma indiferença,
ante a tua observação distante,
És mãe, amiga e amante.
 
Calas o segredo do ladrão,
do assassino e do amante.
Manténs sempre a ternura,
mesmo para quem te censura,
estás sempre vigilante.
 
Controlas a natureza,
Sem nada pedires em troca.
Grande é a tua nobreza,
Não usas manto real,
mas tudo te obedece,
nada nasce e nada cresce,
sem a ajuda de sua alteza: (A LUA)
 Autor Eduardo Gonçalves. (fisga)

publicado por Fisga às 22:00
link do post | comentar | ver comentários (31) | favorito
|

.quem sou eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arca_animais-micros...

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Mar do Desespero

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

.links

.Visitas

 

.arca_animais-micros...

SAPO Blogs

.subscrever feeds