Sábado, 29 de Dezembro de 2007

despedida de 2007

DESPEDIDA DE 2007

Vou despedir-me de 2007, para sempre. E dos meus amigos, até aos primeiros dias de 2008 pois já se nota um pouco por todo o lado, a azáfama de um forrobodó que é anual, porque se aproximou e passou o Natal e o ano novo está a estalar. Não sou fã destes festejos pois acho que o Natal devia estar todos os dias no espírito de todos e cada um de nós. Faço-o com votos de muitas felicidades até mesmo para os que se vêm obrigados a afogar-se em lágrimas) Precisamente porque os homens não querem que seja Natal todos os dias. Desejo muito particularmente as mesmas felicidades para todas as pessoas que de algum modo me são queridas por linha sanguínea ou por pura amizade e ainda para aquelas pessoas que não as conhecendo nutro por elas alguma admiração. Por razões que não importam para aqui agora. Quero deixar aqui patentes os meus votos de que o 2008 que se avizinha seja no mínimo igual ao 2007. Se por acréscimo vier algo mais de bom é sempre bem-vindo, para pior já basta assim. Para todos, o meu ADEUS.

-----------------------------------------------------------------------------------------

VAI-TE EMBORA ANO VELHO E LEVA CONTIGO OS BARÕES

OS ALDRBÕES E OS VENDILHÕES E OUTROS TERMINADOS EM ÕES. QUE NOS ROUBAM OS TOSTÕES.

DÁ O LUGAR AO ANO NOVO, E QUE ELE VANHA PARA NOS SEVIR, E QUE ENSINE AO MUNDO TODO AS CONTAS DE DIVIDIR.


publicado por Fisga às 17:25
link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De V.A.D. a 29 de Dezembro de 2007 às 23:08
Amigo Fisga, agradeço-lhe e formulo o desejo de que o ano de 2008, que se avizinha a todo o vapor, lhe traga tudo aquilo que possa desejar!

Um grande abraço.


De Fisga a 30 de Dezembro de 2007 às 20:49
Agradeço e retribuo: E porque o acto de dar e receber é do mais rico e nobre que pode haver, vamos todos receber o 2008 de braços abertos como se de um/a amante se tratasse, afinal é um acto nobre. E que os seus 365 dias e quase 6 horas sejam para todos nós, a partir do minuto 0 motivo de alegria e glória. Quero desejar-lhe também que tenha tempo suficiente para nos continuar a presentear com a sua escrita tão enriquecedora e atractiva. Um brande abraço, e felicidades.



De Emanuela a 30 de Dezembro de 2007 às 02:03
Amigo, a passagem de mais um ano deve mesmo ser sempre motivo de comemoração.Afinal, é receber um novo tempo, ainda em vida.
Desejo que 2008 possa trazer-te a realização de todos os teus bons desejos.
Um beijinho carinhoso e um Feliz Ano Novo!


De Fisga a 30 de Dezembro de 2007 às 20:44
Minha querida amiga: parece-me que os dois gestos mais bonitos e mais nobres que há no mundo são os de dar e receber, seja o que for que se dê, ou o que for que se receba, isto significa que estamos em perfeita sintonia um com o outro neste ponto. Por isso te quero desejar do fundo do coração, as maiores venturas após acabares de receber o 2008, e que essas venturas se prolonguem por cada segundo de vida do citado 2008. Daqui a 365 dias e quase 6 horas que nós ainda voltemos a fazer os mesmos votos um ao outro. E que tu continues a presentear-nos com a tua bela e rica literatura. Um grande beijinho guarnecido de todo o carinho, amor e respeito, que é próprio de uma civilização que se quer digna do nome de humana.


De Pérola a 30 de Dezembro de 2007 às 15:29
Um Feliz Ano 2008 com tudo de bom!


De Fisga a 30 de Dezembro de 2007 às 20:00
agradeço e retribuo, com votos das maiores venturas
para você e para todos os que ama. Eduardo


De linhaseletras a 1 de Janeiro de 2008 às 02:25
Agradeço muito as suas palavras, e as suas visitas ao meu blog eu não pensava que havia tanta gente com os mesmos gostos que eu. Desejo-lhe um Bom Ano de 2008 cheio de saúde ,porque o resto nós vamos encontrando nos super mercados. também gosto do que escreve é uma leitura muito agradável e muito acessível. Eu considero que são! retalhos duma vida



Boa noite e obrigado bom ano


De Fisga a 1 de Janeiro de 2008 às 13:56
As coisas que eu escrevo são sobre um passado sem importância mas que eu recordo, umas com saudade e outras com nostalgia. Eu tenho algumas coisas escritas em poesia há cerca de 50 anos e que já pensei em as publicar, mas quando penso nisso leio e vejo que o que eu escrevi, não passa de poesia de cordel. Já da sua poesia não se pode dizer a mesma coisa, a sua poesia tem alma, corpo, peso, e conteúdo. Tem um sentido métrico que lhe dá encanto e beleza. A poesia do saudoso A. Aleixo, que eu admiro fica aquém da sua. É o meu ponto de vista. OBRIGADO. Que o 2008 seja para a Sra. e todos os que lhe são queridos, um ano cheio de prosperidade, que lhe dê força para continuar a escrever. São os meus votos sinceros.


Comentar post

.quem sou eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

. Letras de canções -Lança ...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds