Sexta-feira, 19 de Junho de 2009

ÉPOCA DE EXAMES

 

 

 

 

UMA VIAGEM AO PASSADO
Pus-me frente ao espelho, e como que metendo lentamente uma câmara de vídeo, pelo canto esquerdo do meu olho esquerdo, consegui, como que ter acesso a uma pasta, onde estão gravados alguns momentos bons e outros nem tanto. Do meu passado recente. Depois de uma análise minuciosa, verifiquei que muito há negativo, e muito mais de positivo, sobre o meu passado recente. Verifiquei com agrado que há 66 anos que eu conduzo o meu destino, muito mal em algumas ocasiões, e menos mal em outras. Recusei-me a perder tempo olhando o que de mau me aconteceu. Virei-me apenas e só para o que de bom alcancei. Senti-me feliz, porque começando com 8 anos ao leme do meu próprio barco, sei que não fui um herói, mas também não fui um náufrago, ou um Falhado total. Sempre ganhei o meu pão e não só o meu, com o suor do meu braço. Tenho Amizades sinceras e outras nem tanto, mas a vida é exactamente isto. Tive grandes ilusões pela minha vida fora, penso que como certos casamentos foram muito boas enquanto duraram, também tive desilusões, que foram muito amargas, mas que com o tempo se foram e vão desvanecendo. Penso que sou bem visto por todas as pessoas que me conhecem mesmo as que me conhecem pessoalmente. Por tudo isto, penso que não tenho tantas razões de queixa, como muitas vezes me parece ter. Tenho apenas um senão. Mas … Quem os não tem? Esse de tão grande que é muito me fás sofrer, e mais ainda quando penso que o relógio do tempo não para. Mas recuso-me determinantemente, a virar as costas à vida em nome de um senão. Que é só mais uma das coisas de que não gosto. Gostava de não valorizar tanto como valorizo, algumas coisas, pois sei que seria muito mais feliz. Mas a nossa capacidade de valorizar, ou não. É também um atributo de grande valor, serve para muitas coisas, que não só valorizar. Uma coisa que eu aprendi na vida, foi: Que quem não tem cão, caça com um gato. E é muito importante saber caçar com um gato, na falta do cão. Mau é deixar de caçar por não ter cão. Mas isso eu não deixarei. Serei teimoso até á exaustão.

publicado por Fisga às 08:00
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

.quem sou eu


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.arquivos

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Outubro 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. UMA FOTOGRAFIA DE ALICE B...

. QUE SEJA, ENTÃO, PARA SEM...

. OBRIGADA, TAMBÉM POR ISTO...

. ALGUNS BRITOS E SOUSAS

. GRANDE MERGULHO

. No mistério do sem fim

. Viver como as flores

. Dia dos namorados

. Queria ser a força...

. Letras de canções -Lança ...

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds